notícias

4º Diálogo da Indústria é realizado pela FIEPE

20/08/2018
Candidatos vão à FIEPE

A Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) realizou o 4º Diálogo da Indústria com os candidatos ao Governo do Estado, na última terça-feira (21), na Casa de Indústria. Para a sabatina, os candidatos Danielle Portella, Armando Monteiro Neto, Paulo Câmara e Maurício Rands falaram dos seus projetos de Governo para os empresários. Para a escolha dos candidatos, a FIEPE adotou o critério de representatividade no Congresso Nacional, devendo ser igual ou superior a cinco parlamentares.

 

O objetivo do encontro foi ouvir as propostas dos candidatos para o setor produtivo, que nos últimos anos sentiu gravemente os efeitos da retração econômica, e, em conjunto, buscar soluções para driblar as dificuldades. Na visão da FIEPE, proporcionar esse diálogo foi fundamental para resgatar a confiança do empresariado, cuja convivência nos últimos anos com a explosão de tributos e com a queda no consumo passou a ser uma companhia frequente.

 

De acordo com o presidente do Sistema FIEPE, Ricardo Essinger, o empresário precisa de uma injeção de ânimo e de políticas efetivas. “Espera-se do setor investimentos constantes, sobretudo em tecnologia, e ações mais enérgicas frente às adversidades, mas entendemos que as ações devem ser conjuntas entre empresários, instituições e governos”, destacou.

 

A defesa de Essinger foi para que a indústria continue contribuindo para um País mais competitivo, exigente e globalizado, com a capacidade para enfrentar as maiores economias do mundo. “Temos potencial para isso, pois concentramos uma das fábricas mais modernas do ramo automotivo do mundo, uma refinaria e investimentos importantes para o Brasil”, avaliou.

 

O presidente reforçou que a busca pelo diálogo envolve respostas para temas que, atualmente, se apresentam como gargalos. Na oportunidade, os candidatos apresentaram suas propostas sobre as obras paralisadas, a federalização do Porto de Suape, a atual situação da Refinaria Abreu e Lima, a Transnordestina, a segurança pública e a mobilidade, entre outros.  O evento aconteceu das 9h às 18h.

Arquivos